Com a saída da Ford do Brasil, saiba quais marcas estão se tornando mais ‘fortes’ no mercado

No ano de 2021 a Ford decidiu pôr fim a sua história de mais de um século no Brasil. suas fabricas em Camaçari (BA), Taubaté (SP) e Horizonte (CE) irão fechar as portas e deixar assim, diretamente, mais de cinco mil trabalhadores afetados, sem contar nos fornecedores e nos trabalhadores indiretos que eram beneficiados pela montadora.

Com o fechamento das fabricas no Brasil a Ford concentra sua produção da America do Sul na Argentina e no Uruguai, deixando no território brasileiro apenas seu campo de provas, o centro de desenvolvimento de produto e sua sede administrativa.

A decisão final de encerrar suas atividades produtivas no Brasil foi resultado de uma soma de fatores que ganhou força com a crise do coronavírus.

Com o anúncio do fechamento das portas da Ford no Brasil muitos motoristas começaram a se preocupar sobre como ficaria o futuro de seus automóveis da marca, se iriam achar peças aqui no país e conseguir fazer a manutenção regularmente. Devido a essa preocupação e tamanha incerteza sobre o assunto muitos clientes começaram a migrar suas intenções de compras de veículos e passaram a procurarem outras marcas que possuem suas atividades de produção no Brasil.

Fiat

A empresa italiana lidera o ranking das dez maiores montadoras de carro do país com uma participação no mercado de mais de vinte por cento. A fábrica fica localizada no estado de Minas Gerais no município de Betim e produz por ano cerca de 800 mil veículos.

Chevrolet

Ocupando o segundo lugar no ranking vem a Chevrolet que conseguiu ultrapassar a Volkswagen e possuir uma participação o mercado nacional de 17,7%. Ao comparar com a Fiat a sua atividade produtiva é bem abaixo, produzindo 380 mil carros por ano na sua fábrica de Gravataí e 270 mil em São Caetano do Sul.

Volkswagen

Mesmo apresentando uma queda na participação do mercado Brasileiro a Volkswagen ainda ocupa uma ótima localização no ranking das montadoras presentes no Brasil.

A Ford ocupa a quarta posição, mas com sua saída abre espaço para outras empresas como é o caso da Renault, Hyundai, Toyota, Honda e Kia que vem ganhando cada vez mais o mercado e os consumidores Brasileiros. Um exemplo desse crescimento no mercado é o lançamento do novo Kia Cerato 2022 que vem se tornando o desejo de consumo de muitos apaixonados por velocidade por conta do seu motor 2.0 que é capaz de atingir a velocidade máxima de 195 km/h e acelerar de0 a 100 km/h em 10,5 segundos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *